Add to Technorati Favorites
Domingo, 31 de Maio de 2009

De volta....

OLA!! Tudo Bem contigo? Esperamos que o teu mês de Maio esteja a ser bom e proveitoso acima de tudo.

Queremos pedir desculpa, pois desde 12 de Maio, (último post) deixamos de actualizar o blog. Isto aconteceu por alguma falta de tempo e se verificar que os jovens do nosso grupo que estão no secundário e universidade começaram na fase “crucial” dos seus estudos, (período de exames ate ao final de Junho e inícios de Julho, para alguns) em poder vir aqui e deixar algumas notícias do nosso grupo. Isto não quer dizer, que deixamos de reunir aos domingos e de partilhar convosco um pouco do que se vai passando no nosso grupo., bem pelo contrário. Exemplo disso, é que hoje traz algumas notícias e surpresas para TI que visitas o nosso blog.

Para já podemos dizer que temos reunido todos os domingos, pelas 10 horas, (exceptuando o dia de hoje, pois realizaram-se as Crismas ou Confirmação dos jovens na Eucaristia), em cada domingo temos feito a oração e organizado os cânticos para “animar” a Eucaristia das 11.30 de cada domingo.

Neste mês participamos, no dia 30, no terço, pelas 21 horas, com os jovens que iriam fazer a crisma no dia 31, (pois este mês é dedicado a Nossa Senhora de Fátima, devido a ser no dia 13 de Maio de 1910 que apareceu pela 1.ª vez Nossa Senhora aos Pastorinhos e ela, pediu aos Pastorinhos que rezassem o terço todos os dias, para pedir pela paz no mundo, o que os cristãos continuaram com essa oração…rezando o terço todo o ano, dedicando uma especial atenção, no mês de Maio, Agosto e Outubro).

 

Deixamos agora um texto de um jovem, chamado Fábio, (que pertence á Congregação Marista de Vouzela)…

«Assim que o sol raiava pela janela do seu quarto, ele saía, pacifico, para ir contemplar o jardim. Percorria a grande velocidade o caminho que o separava do velho portão de ferro e quando lá chegava agarrava-se a ele, sonhador, ficando a olhar através das grades para aquela imensidão verde, salpicada de todas as cores, de flores, animada pelo chilrear melódico de todos os pássaros, de todas as formas, com todas as cores.

Depois desse momento de pasmo, quase convertido em espasmo, iniciava a sua série de infrutíferas tentativas com o objectivo de transpor o portão. Tentava saltar por cima, mas era demasiado alto; tentava passar por baixo, mas havia apenas uns centímetros; lateralmente, o gradeamento prolongava-se até ao horizonte e, umas, por uma, todas as hipóteses de transpor aquele portão iam sendo descartadas. Tentou tudo menos colocar a mão na chave e rodá-la, porque lhe parecia demasiado fácil.

Um dia fê-lo, a porta cedeu e ele fechou os olhos, e3xpectante. Deu um passo em frente e com uma inspiração profunda abriu-os de novo. Assim ficou, paralisado, largos minutos, boquiaberto, fitando á sua frente tudo quanto desejara tanto tempo! Mas à sua frente via apenas uma velha sucata, cheia de tudo quanto é indesejável: velhas máquinas, aparelhos, carros, tudo num tom negro e absorto numa atmosfera de trevas.

Incapaz de acreditar naquilo que via, voltou atrás, fechou o portão e olhou de novo através dele. Viu novamente o belo jardim dos seus sonhos, só que desta vez, pela primeira vez, podia ver o seu rosto mergulhado nele. Era um espelho! Girou sobre si próprio e viu-se finalmente no jardim da sua vida, o harmonioso espaço de amor, o espaço ideal para estar, para ser. E viu mais tarde que não estava ali sozinho! Havia muitas outras pessoas que se olhavam e que lhe disseram, seguras, que aquele Jardim era Deus.»

Amigos, muitos de nós já olhamos há muito tempo através do portão e dizemos: “Que Deus tão bom!!! Ou “É tão bom estar no Grupo de Jovens Emanuel e pertencer á Igreja Católica!” Agora falta-nos perceber que esse Deus ou esse grupo de Jovens Emanuel tão bons não estão fora de nós e que fazem parte da nossa realidade concreta. Não vale a pena procurar lá fora, porque lá fora só há escuridão ou falsas luzes que nos cegam.

Tudo o que precisamos para sermos felizes já o temos em nós, é apenas uma questão de nos darmos conta disso. É aí que os céus se rasgam e é aí que vem a descoberta mais bonita que pode existir: Deus ama-nos loucamente e por ele vale a pena fazer tudo sem temer nada.  

 

Publicado por gjemanuel-chaves às 22:52
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
 O que é? |  O que é?
BlogBlogs

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Dezembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Posts recentes

Santo Natal e Próspero An...

Atividades de Natal

Convívio de S. Martinho 2...

Benção das Camisolas

OBRIGADO(A) PELAS 0010005...

Resposta ao Comentário so...

Preparação para Domingo

Camisolas do Grupo

Reunião de 16 de Outubro

Reportagem sobre o Convív...

Arquivos

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Junho 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

tags

todas as tags

Links

On-line

online

Visitas


View My Stats
blogs SAPO

subscrever feeds